Nota Pública

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
0 30

A Prefeitura Municipal de Ilhéus lamenta profundamente o acidente ocorrido com a senhora Valdenir Laranjeira da Silva, de 54 anos, na última quarta-feira, no abrigo de ônibus instalado nas imediações do Ginásio de Esportes Herval Soledade. Ela foi vítima do rompimento do suporte lateral do assento, o que provocou lesões em um dos seus pés.

Imediatamente após o lamentável ocorrido, o município prestou total assistência a dona Valdenir. O Samu foi acionado e um primeiro atendimento médico foi realizado no Hospital Geral Luiz Viana Filho. Dando sequência ao atendimento, Valdenir Laranjeira da Silva foi conduzida pela Secretaria Municipal de Saúde para um clínica conveniada, onde passou por novos exames e ficou constatada que a mesma deverá passar por um tratamento conservador, sem necessidade de cirurgia.

Levantamento feito pela atual gestão, revela a existência de aproximadamente 120 abrigos de ônibus na zona urbana de Ilhéus. O fato de a maioria ter sido construída em estrutura metálica, numa cidade litorânea, acelerou o desgaste. Alguns foram totalmente retirados para evitar acidentes. Os que permaneceram passam permanentemente por vistorias técnicas e inspeções regulares até que a substituição por novas estruturas seja concluída.

A estrutura causadora deste acidente tem pouco tempo de uso, tendo sido instalada em 2016. Por isso, a Prefeitura de Ilhéus vai notificar a empresa executora para que esta preste esclarecimentos técnicos quanto ao projeto e execução dos abrigos. Entretanto, como pela primeira vez foi localizado um novo ponto frágil da estrutura, não identificado nas inspeções rotineiras, será efetuado um procedimento de reforço colocando uma “mão francesa” nos suportes dos assentos em todos os abrigos do mesmo modelo instalados na cidade.

A Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra), informa que já foram concluídos os projetos arquitetônico e estrutural dos novos abrigos. Nos próximos dias o processo licitatório para a contratação da empresa executora será publicado. A previsão é de que os novos abrigos sejam instalados no primeiro trimestre do próximo ano, dentro de um conceito modular mais adequado a cidades costeiras, à demanda do local e necessidades dos usuários, utilizando-se de uma estrutura mista de concreto armado e madeira, com maior conforto e durabilidade.

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Portal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Comente com o Facebook

Post a Comment

Your email is never published nor shared.

Name *
Email *
Website
Comment *